Rebaixamento das pistas do elevado da Augusto Montenegro entra na etapa final



O rebaixamento das pistas que passam sob o elevado "Engenheiro José Augusto Affonso", localizado no cruzamento da avenida Augusto Montenegro com as avenidas Centenário e Laércio Barbalho, entrará em nova etapa a partir da próxima terça-feira, 17, para conclusão dos serviços em até 45 dias. Com a primeira etapa das obras já concluída na pista sentido Belém/Ananindeua, toda a pista no sentido contrário - Ananindeua/Belém - receberá os mesmos serviços e será fechada a circulação de veículos.

Para isso, o tráfego será desviado para a nova pista, no sentido Belém/Ananindeua, que ficará em mão dupla até o fim das obras. "Como a nova pista já está rebaixada, o tráfego de ônibus e caminhões ocorrerá normalmente, sem precisar de desvios, como ocorreu na primeira etapa", avisa o diretor de trânsito da SeMOB, Marcos Chagas. Assim como ocorreu na primeira etapa, serão colocados blocos de concreto para delimitar os desvios e separar as duas faixas, por medida de segurança dos motoristas, e continuam valendo os mesmos pontos de início do desvio, na altura da delegacia da Cabanagem, na Laércio Barbalho, e na área de retorno localizada às proximidades da travessa Major Miguel, na avenida Centenário. 

Também serão fechadas para obras as duas pistas laterais da Augusto Montenegro, paralelas ao viaduto, desde o cruzamento que será fechado até a rampa que dá acesso ao elevado, próximo ao supermercado Líder e ao posto de gasolina Iccar. Agentes de trânsito e apoiadores operacionais da Semob estarão prestando ordenamento e orientações durante a operação. Quem estiver na Av. Centenário e quiser acessar a Augusto Montenegro, no sentido Icoaraci, poderá fazê-lo pela travessa Major Miguel, ou poderá entrar pela avenida Transmangueirão, acessar a Augusto Montenegro e seguir no sentido Icoaraci por cima do elevado.

Os serviços a serem executados serão os mesmos já realizados na primeira etapa: escavação, drenagem, terraplenagem e pavimentação. “O rebaixamento das vias transversais ao elevado é necessário para garantir a trafegabilidade abaixo do elevador até a altura máxima de 5,5 metros, exigida pelo DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes). Até agosto, entregaremos para a população um novo sistema viário na área abaixo e no entorno do elevado, com novas pistas, retornos, área para estacionamento, calçadas e ciclovia”, explica o diretor de obras da Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb), Reinaldo Leite.

Elevado – A partir da próxima segunda-feira, 16, o tráfego sobre o elevado, no sentido Icoaraci/Entrocamento, também sofrerá uma alteração devido à necessidade de manutenção preventiva da junta de dilatação da pavimentação do elevado. Será necessário desviar o tráfego da faixa de veículos leves, que seguem no sentido Entrocamento, para o corredor do Sistema Bus Rapid Transit (Sistema BRT). Essa intervenção foi realizada entre os dias 28 de junho e 9 de julho no sentido Entronacamento/Belém, que agora já está com trânsito normalizado.

O desvio ocorrerá exclusivamente dentro do elevado, com os veículos sendo desviados para dentro do corredor do BRT logo na subida, e saindo imediatamente após a descida. Uma canalização na área irá orientar os condutores para o desvio, que, nos primeiros dias, terá reforço de agentes de trânsito da Semob, até que não haja dúvidas sobre o novo fluxo na via. O desvio visa garantir a segurança e a fluidez do trânsito durante a execução do serviço, que deve durar sete dias, atendendo a normas técnicas vigentes.
Confira, nas imagens, os mapas dos desvios e interdições na área abaixo do elevado para fazer o rebaixamento e do serviço que vai ser realizado sobre o elevado, pista de subida sentido Entroncamento.

Por Jaqueline Ferreira




Agência Belém

Postar um comentário

0 Comentários