segunda-feira, 1 de julho de 2019

O Crime da Mala,que ainda abala Belém


DIENE ELLEN, morreu no dia 01 de Novembro em 1973 em Belém do Pará, vítima pelo seu próprio pai, bastante alcoolizado cometeu este ato contra sua filhinha de apenas 2 aninhos, que a violentou, e matou à facadas, esquartejando o corpinho e depositando em uma mala depois de 2 dias do ato cruel, e foi embarcado na rodoviária em um ônibus no interior do estado e descoberto pelo funcionário da empresa pelo forte odor.
O CRIME BRUTAL, foi conhecido como o CRIME DA MALA, e o assassino foi identificado naquela época, foi condenado e cumpriu pena.
E a respeito do paradeiro do pai, onde colheram depoimento de funcionário mais antigo do cemitério São Jorge, disseram que o pai assassino cumpriu pena no presídio São José hoje desativado, devido a repercussão do crime naquela época, ele não queria sair temendo ser morto lá fora, e preferiu ficar no presídio morando, ele tornou cozinheiro no presídio, e a maioria das pessoas dizem que o pai ficou com transtornos mentais, e acabou se matando, mas todos são unânimes em dizer que ele esteja vivo, mesmo assim depois de sua saída do presídio, a irmã de DIENE ELLEN, não quis que seu pai morasse na rua e preferiu que o assassino que é seu pai morasse com ela.
Quanto a mãe da menina, ela ia no cemitério duas vezes no ano, mas que já estava bem idosa e bastante debilitada, e no ano de 2004 ela veio a falecer.
Muitos acendem velas perto da pedra de mármore no seu túmulo, doam brinquedos e fazem promessas, onde são cumpridas como muitos dizem.
DIENE ELLEN, nasceu no dia 27 de Outubro de 1971, morreu no dia 01 de Novembro de 1973 antes do dia de finados.
Seu túmulo fica na Alameda São Geraldo no cemitério São Jorge no bairro da Marambaia.
E hoje compareci no cemitério de São Jorge, e bati uma foto como estaria hoje o seu sepulcro.

E se DIENE ELLEN tivesse viva, ela iria completar 48 anos.
E ela vai fazer 46 anos de morta


Nenhum comentário:

DESTAQUES