Pra Você: 15 coisas para você cuidar da sua saúde mental neste mês

Cuidar da sua saúde mental é tão importante quanto da saúde do corpo.

(Foto: Reprodução)

Por mais que o Setembro Amarelo, campanha de prevenção ao suicídio, dure 30 dias, isso não significa que você precisa se esquecer de cuidar da sua saúde mental no resto do ano. A ideia é que se adote hábitos que sejam um carinho diário nesse sentido e que te ajudem a se sentir cada vez melhor e mais consciente do que você pensa.

Cuidar da sua saúde mental é tão importante quanto da saúde do corpo, porque os dois estão intimamente ligados: se você não está emocionalmente bem, o seu corpo vai mostrar sinais disso, e vice-versa. Por isso leve o que você sente a sério e cuide de si mesma com gentileza – além de incentivar outras pessoas a fazer o mesmo.

É assim que começamos um diálogo saudável sobre as doenças mentais, como a ansiedade e a depressão. Cuidando de si em todos os aspectos e abrindo espaço para falar das nossas dificuldades sem ver um tabu em cada uma delas.

Tenha em mãos essas dicas para te ajudar a cuidar da sua saúde mental este mês:

1.Se permita sentir em vez de reprimir o que sente


Se você está com raiva, se deixe sentir a raiva, a tristeza. Não reprima o que você sente – isso só alimenta ainda mais essa sensação. Olhe de frente para ela e saiba que é ok sentir o que você está sentindo. Isso ajuda esse sentimento ruim dissolver mais rápido e diminui a sua culpa por sentir isso.

2.Tire o ‘deveria’ do seu vocabulário

Uma das piores coisas que você pode fazer é dizer ‘deveria’ ter feito ou falado alguma coisa que não fez ou falou. Ou que as coisas ‘deveriam’ ter acontecido de um jeito diferente. Tire o ‘deveria’ do seu vocabulário e trabalhe apenas com os fatos. Não perca tempo imaginando como as coisas seriam se você tivesse agido diferente, isso só gera uma frustração desnecessária que te desmotiva e desincentiva.

3.Comece um diário

Escrever é um exercício muito catártico. Você coloca no papel o que está na sua mente e se sente melhor depois, mais leve. Fora que os problemas nunca parecem tão grandes assim quando você os coloca no papel. Crie o hábito de escrever um pouco todos os dias sobre o que você sentiu e como você está, ou de colocar no papel (seja físico ou digital) o que está na sua mente em momentos de ansiedade ou raiva.

4.Faça a sua cama todos os dias

Uma maneira prática e fácil de começar o dia com um senso de realização é tirar alguns minutos para fazer a sua cama assim que você acordar. É uma ação pequena, mas que gera um bem-estar imediato, e você já se sente mais motivada para continuar com o seu dia.

5.Adote um hobby que te faça sentir bem

Você pode começar a tricotar, a fazer bordados, a desenhar ou pintar livros de colorir. Vale até brincar com maquiagens diferentes ou andar de bicicleta por alguns minutos todos os dias. Mas pense em algo que você goste e que te deixe com o coração quentinho.

6.Separe um dinheiro para comprar algo que você ama todo mês 

A gente não quer incentivar o consumismo desenfreado, não é isso. Mas a gente se preocupa tanto com as contas, os boletos e as responsabilidades da vida adulta que esquece de investir também na gente. Separe um orçamento (pode ser R$50 no mês) para gastar com algo que você queria muito. Pode ser um doce gostoso, uma massagem, um batom, um livro… alguma coisa que você curta e que te faça sentir bem. Não necessariamente esse dinheiro precisa ser gasto em coisas, mas em experiências que te lembrem que você também merece gastar o seu dinheiro com você.

7.Encontre um terapeuta que você gosta de verdade 

Se você faz terapia, sabe a importância de fazer esse tratamento com um profissional que você goste. Se você pensa em começar esse tratamento, então precisa ter em mente que, antes de mais nada, o terapeuta é uma pessoa para quem você vai contar os seus segredos mais profundos, falar sobre dificuldades e sensações complicadas – por isso, ele precisa ser alguém que você goste e com quem você se sente confortável.

8.Durma um pouquinho a mais 

A gente não vai falar para você dormir mais porque é difícil mesmo. Mas tente, pelo menos algumas vezes na semana, dormir uma ou duas horas a mais – você pode tentar dormir mais cedo ou se dar meia hora a mais de sono pela manhã. Mas se permita dormir um pouquinho a mais e descansar o corpo.

9.Preste atenção no quanto você reclama 

Acredite, você vai se surpreender com o quanto você reclama em um dia. A reclamação é um vício que alimenta uma sensação ruim dentro da gente – é uma crítica constante, pronta para sair a qualquer minuto. E reclamar tem uma energia negativa que a gente joga no mundo e que, com certeza, volta para a gente depois. Fique ligada e evite reclamar tanto, você vai perceber a diferença que isso faz no seu humor.

10.Decore a sua mesa com coisas que te inspiram

Quadrinhos bonitos, frases inspiradoras, objetos que você ama… Use a sua mesa de trabalho como um âmbito de inspiração, um lugar que te incentiva a trabalhar e ser mais criativa.

11.Comemore mais as suas pequenas vitórias

Sinta-se livre para celebrar quando você conseguiu arrumar a sua cama antes de sair de casa ou porque comeu uma refeição completa e saudável no almoço. As pequenas coisas eu você faz no seu dia são, sim, vitórias e esse hábito é uma forma incrível de cuidar da sua saúde mental – você começa a perceber a sua capacidade e se sente mais motivada a cada nova conquista.

12.Converse sobre o que você sente com as suas amigas

Sem medo de ser julgada, ok? Seja sincera, converse com elas e abra o seu coração. Você precisa de pessoas à sua volta que estejam dispostas a ouvir o que você tem a dizer e ajudar você nesse caminho, e vice-versa. Faça por elas o mesmo que elas fazem por você.

13.Dê um tempo das redes sociais 

Facebook, Instagram, Twitter… As redes sociais estão sempre cheias de informação e isso causa uma ansiedade generalizada – além de FOMO, a sensação de que você deveria estar em algum lugar onde não está no momento. Dê uma pausa, delete os aplicativos do seu celular e aprenda a ficar um tempo afastada dessa enxurrada de informação. A gente garante que você vai se sentir melhor.

14.Ande com uma garrafa de água 

Além de ser muito importante você manter o corpo hidratado, fazer pausas para tomar água pode ser uma maneira de você lembrar de respirar fundo, acalmar a mente e olhar com mais clareza para as situações.

15.Faça alguma coisa por alguém 

Compre um café para um amigo, ajude alguém no seu trabalho, faça algumas horas de trabalho voluntário… Tire o foco de você e cuide de outra pessoa por alguns momentos. É impossível você não se sentir bem depois disso. Com informações de Catraca Livre.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabia que a mulher mais alta do Brasil é paraense? Conheça

Belém ganha nova Agência de Namoro e Matrimônio

Após injetar cimento, transexual recupera feições com procedimento