Turismo com boto movimenta a economia em Mocajuba



Foto: Benedito Cantão

Por muitos anos, Mocajuba, município localizado no nordeste paraense viveu o apogeu da pimenta do reino. Foi nesse período em que a cidade se desenvolveu economicamente, se tornando uma das principais exportadora do produto no estado. Com o passar dos anos, e com o surgimento de novas alternativas de consumo esse mercado se tornou escasso. Mas agora uma nova atividade tem evidenciado o município, seja nas manchetes nacionais, ou internacionais. O turismo com boto.

Uma espécie rara de botos, que por muitos anos viveu próximo dos frequentadores da orla da cidade, se tornou objetos de estudos de pesquisadores da Universidade Federal do Pará (UFPA), e atiçou a curiosidade de turistas, abrindo a possibilidade do turismo na região. Agora, qualquer pessoa pode ter o contato com a espécie, inclusive registrar bem de perto os animais. Diariamente e com mais intensidade nos períodos de veraneios dezenas de pessoas visitam o mirante do boto, espaço anexo ao mercado municipal.

Turistas alimentando um dos botos. Foto: Divulação

Preocupação enquanto a espécie
Pesquisadores orientam que o contato próximo com os animais, em espécie os filhotes, podem ameaçar a espécie, e pede que todos os visitantes zelem pelo bem-estar dos botos.

Nova geração
Ainda de acordo com o Grupo de Biologia e Conservação de Mamíferos Aquáticos da Amazônia (BioMA),uma das fêmeas do grupo de botos vermelhos (Inia araguaiaensis) está grávida e o novo filhote deve nascer em 2019. Cara Cortada, como foi batizada a mãe-boto, já vinha sendo acompanhada pelos biólogos e veterinários há mais de três anos e já teve um filhote.

Visite Mocajuba
Quem quiser conhecer mais da cidade uma ótima oportunidade é o veraneio. A cidade oferece uma praia de água doce, e de fácil acesso, uma vez que se localiza na orla do município. Mas tem opção para o ano todo. Para chegar ao município o acesso é via terrestre através da Alça Viária, ou por meio de barco com escala em Cametá.

Texto: Silvano Viana
Fotos: Divulgação 
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabia que a mulher mais alta do Brasil é paraense? Conheça

Belém ganha nova Agência de Namoro e Matrimônio

Após injetar cimento, transexual recupera feições com procedimento