Vídeo: Bolsonaro é esfaqueado durante agenda em Minas, diz polícia

Durante visita a Juiz de Fora (MG), presidenciável do PSL teria sido agredido com facada. Vídeo mostra ele sendo carregado por apoiadores.

(Foto: Reprodução)

O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) teve a agenda interrompida nesta quinta-feira (6/9) em Juiz de Fora (MG). Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o deputado federal sendo carregado por apoiadores após ser atingido na região do abdômen.
Nas imagens (assista abaixo), Bolsonaro aparece com as mãos na barriga. O fato foi confirmado pelos filhos do parlamentar nas redes sociais e também pela polícia local. Devido ao corte, o deputado federal precisou levar seis pontos na região atingida.
Candidato a senador pelo Rio de Janeiro e filho do presidenciável, Flávio Bolsonaro comentou o episódio. “Jair sofreu um atentado agora em Juiz de Fora, uma estocada com faca na região do abdômen. Graças a Deus, foi apenas superficial e ele passa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós”, escreveu. Ainda de acordo com Flávio Bolsonaro, o corte teria sido superficial.
No vídeo, é possível ver que o agressor é contido por populares logo depois de ele atingir o presidenciável. A Polícia Federal confirmou que deteve o homem e vai abrir inquérito policial para apurar as circunstâncias do fato. Em nota, a PF informou que o parlamentar contava com a escolta de policiais federais quando foi atingido”.
Em suas agendas, Bolsonaro tem sido acompanhado por uma equipe da Polícia Federal. Por lei, candidatos à Presidência da República têm direito a escolta durante o período eleitoral. Em agenda no interior de São Paulo, ele chegou a utilizar colete à prova de balas. No momento do ataque ele não estava utilizando o item de proteção.

Por: Metrópoles
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabia que a mulher mais alta do Brasil é paraense? Conheça

Belém ganha nova Agência de Namoro e Matrimônio

Após injetar cimento, transexual recupera feições com procedimento